Grupo Teia

banner-final-1

O grupo TEIA surgiu no ano de 2003, apenas como uma aula experimental realizada por uma ex-aluna, atriz e professora de teatro, Maria Clara Wermelinger, que sempre teve o sonho de desenvolver esta arte dentro da escola. No inicio, era apenas um grupo de pessoas tentando se expressar e comunicar-se através do teatro. Hoje, é um grupo de jovens talentosos, um grupo de amigos que cria, aprende, ensina, descobre em conjunto, vivencia, emociona… O propósito do TEIA é fomentar e veicular cultura mas, também, transmitir emoções carregadas das grandes descobertas internas de cada um de seus integrantes. Nesse espaço de criação não há julgamento do que é certo ou errado. O que se quer é aprender e buscar o que existe de melhor nas pessoas que fazem parte o TEIA.

O primeiro trabalho começou com um caráter amador. Foi sendo lapidado durante algum tempo até o momento de manifestar o que existia de melhor nele e em cada um dos participantes do grupo. Veio o primeiro festival de teatro, uma ousadia muito gostosa. Lá, se teve a prova de que todo o sacrifício e esforço valem a pena. O grupo recebeu várias indicações, prêmios e, o mais importante, foi honrado com um lindo troféu pelo trabalho apresentado. Os anos foram passando, já maduro, o grupo descobriu novos caminhos… alguns dos seus membros, por circunstâncias da vida, tiveram que se afastar mas, levaram e deixaram a melhor lembrança de suas vidas. O repertório ainda é muito pequeno. São apenas três peças montadas e todas elas premiadas. As premiações estão guardadas como troféus de vida e os aplausos gravados na memória e no coração como a música preferida e mais calorosa. O objetivo do grupo não é apenas mostrar trabalhos, e sim trabalhar muito naquilo que pode trazer bons frutos para todos que se deixam envolver na teia do TEIA. O TEIA aplaude todos aqueles que souberem apreciar a sua arte, todos aqueles que aprendem, crescem e se transformam com ela.

Neste momento, sob a coordenação da atriz e professora de teatro Gabriela Ribas, o TEINHA dá os primeiros passos rumo ao palco e o TEIA, com novos participantes, estreou no II FIT, com a peça O menino Narigudo.

Currículo do Grupo Teia

Temporada no teatro do Colégio Nossa Senhora das Dores – 2003

CADOR/Nova Friburgo – 2004
XI Festival de Teatro de Macaé – 2004
Peça: O menino detrás das nuvens, de CarlosAugusto Nazareth.
Indicações: Melhor figurino, melhor iluminação, melhor sonoplastia, melhor diretor, melhor atriz coadjuvante.
Premiações: Melhor sonoplastia e melhor atriz coadjuvante.
Prêmio especial júri de honra ao mérito para a diretora da peça.

II Mostra Intercolegial de Teatro Notre Dame – 2004
Peça: O menino detrás das nuvens.
Indicação: Melhor espetáculo.
Premiação: Melhor espetáculo.

Programa SESC Rio para crianças e jovens – Arte-Expressão criadora -2005

III Mostra Intercolegial de Teatro Notre Dame – 2005
Peça: Sertão de Estrelas , texto e direção de Maria Clara Wermelinger.
Indicação: Melhor espetáculo e Melhor cenário.
Premiação:Melhor cenário e 2º melhor espetáculo.

Temporada no Teatro Sania Cosmelli – Nova Friburgo – 2005

Participação no Festival de Teatro Infantil do SESC – Teresópolis – 2006

Participação no Festival de Inverno do SESC – Nova Friburgo – 2006

I Festival Intercolegial Carlito Marchon – 2007
Teatro Sania Cosmelli – Colégio Nossa Senhora das Dores .
Peça: Vem buscar-me que ainda sou teu, texto de direção de Maria Clara Wermelinger.
Premiação: Melhor espetáculo, melhor atriz, melhor atriz coadjuvante, melhor ator coadjuvante, melhor cenário, melhor figurino, melhor iluminação, melhor maquiagem.

Temporada no Teatro Sania Cosmelli – Nova Friburgo – 2007/2008
Peça: Vem buscar-me que ainda sou teu.
Texto: Carlos Alberto Soffredini.
Direção e adaptação: Maria Clara Wermelinger.

Participação no Festival de Inverno do SESC – Nova Friburgo – 2008

II Festival Intercolegial de Teatro Jorge Saade – 2009
Teatro Sania Cosmelli – Colégio Nossa Senhora das Dores
Peça: O Menino Narigudo
Texto:Walcyr Carrasco
Direção: Gabriela Ribas
Premiação: Melhor espetáculo, melhor atriz, melhor cenário, melhor figurino, melhor maquiagem.

VII Mostra Intercolegial de Teatro Notre Dame Ipanema – 2009
Peça: O Menino Narigudo
Texto: Walcyr Carrasco
Direção: Gabriela Ribas
Figurino: Maria Clara Wermelinger
Premiação: Melhor figurino, melhor sonoplastia.

Temporada no Teatro Sania Cosmelli – Nova Friburgo – 2010
Peça: O Menino Narigudo
Texto: Walcyr Carrasco
Direção: Gabriela Ribas

Apresentação no Teatro do Colégio Nossa Senhora das Mercês – Nova Friburgo – 2010
Peça: O Menino Narigudo
Texto: Walcyr Carrasco
Direção: Gabriela Ribas

O Diamante de Grão Mogol 2011
de Maria Clara Machado
Direção Gabriela Ribas

Festival de Teatro do Colégio Notre Dame de Ipanema – novembro de 2011
O Grupo TEIA conseguiu o maior número de indicações e prêmios na categoria infantil.
Indicações: Melhor figurino, melhor cenário, melhor sonoplastia, melhor ator coadjuvante (Pedro Schumacker), Melhor atriz (Elisa Ottoni), e melhor espetáculo.
Prêmios: Melhor Figurino, Melhor sonoplastia, melhor atriz e melhor espetáculo.
Os prêmios foram entregues aos vencedores pela atriz Zezé Polessa

Apresentação do espetáculo na Feira do Livro da Escola do Vale, Duas Barras

Temporada do espetáculo no Teatro Sânia Cosmelli – outubro de 2011

Participação no XI FETE – CAP, Além Paraíba – 2012

Apresentação da cena de abertura do espetáculo O Diamante de Grão Mogol na Câmara dos vereadores na sessão solene em homenagem aos 120 anos do colégio e 10 anos do Grupo Teia – 2013.

Menção Honrosa da Câmara dos Vereadores de Nova Friburgo pelos 10 anos do Grupo Teia

Apresentação da cena de abertura do espetáculo O Diamante de Grão Mogol na abertura do seminário de educação do CNSD – 2013

Veríssimo à Vera 2014
Direção: Gabriela Ribas

FETO 2014 – Veríssimo à Vera

O Grupo Teia foi destaque no FETO 2014:
TEATRO NA ESCOLA
Comissão artística: Gláucia Vandeveld, Raquel Castro e Reginaldo Santos
:: Veríssimo à vera // Grupo Teia [Nova Friburgo, RJ]
– Destaque para a criação e performance musical do grupo: pela criação musical original, construção e manipulação de objetos sonoros, execução da trilha sonora ao vivo e pela musicalidade do elenco para a construção de dinâmicas de intensidade e ritmo na cena;
– Destaque para a criação dramatúrgica: pela transformação de textos não teatrais em dramaturgia e colaboração de todo o grupo nas escolhas e transformação do material textual para a cena.

Grupo Teia – Teatro, Educação, Infância e Adolescência.

Público alvo – Alunos e alunas do CNSD de diferentes idades e maneiras de pensar.

Objetivos – Intensificar a vida cultural e artística da escola, permitindo aos alunos um mergulho no universo teatral como possibilidade de amenização dos efeitos alienantes da cultura de massa globalizada, bem como contribuir para a formação dos valores, da personalidade e do caráter das crianças e dos jovens, o desenvolvimento da sensibilidade, da criatividade, do gosto estético, entre tantas outras possibilidades que o teatro permite.

Peças montadas – O menino detrás das nuvens ,  Sertão de estrelas, Vem buscar-me que ainda sou teu, O menino Narigudo e O diamante do Grão-Mogol.

© 2017 Gular Digital | SEMPRE INOVANDO

X